Published in Cultura
turismo sustentável turismo sustentável

Maio - Festival Sete Sóis Sete Luas pretende patrocinar a diversidade cultural

  • “Vamos tudo fazer para merecer este evento de âmbito internacionalqe é uma oportunidade ímpar para a criação de novos fluxos turísticos no Maio com toda a sua diversidade cultural"

Santa Maria - 31 de Outubro - Câmara Municipal do Maio está a trabalhar para que o Festival Sete Sóis Sete Luas seja um sucesso junto da população.

Nesse sentido, o Pelouro da Cultura informa que o programa em curso na ilha visa precisamente mostrar as potencialidades da ilha do Maio.

O projeto é desenvolvido pela Associação Cultural Sete Sóis Sete Luas, com financiamento global da União Europeia e conta com assinalável comparticipação da autarquia maiense na programação local.

Para além do Porto Inglês, o projeto contempla, também, Nova Sintra (Brava), São Filipe (Fogo), Tarrafal (Santiago) e Ribeira Grande (Santo Antão), e tem por objetivo, explica o Vereador Queita Santos, a preservação do património cultural como fator de diversificação e desenvolvimento do turismo cultural em Cabo Verde.

“Vamos tudo fazer para merecer este evento de âmbito internacional”, adianta o Vereador que garante que a ilha do Maio, desde a primeira hora, abraçou este projeto precisamente por acreditar na sua qualidade. Neste âmbito, a programação desenvolvida a nível da ilha do Maio contemplou vários workshops de culinária e música, abrangendo jovens.

O Vereador advoga ser o projeto Festival Sete Sóis Sete Luas uma oportunidade ímpar para a criação de novos fluxos turísticos e neste contexto Maio posiciona-se com toda a sua diversidade cultural.

Para a próxima semana estão programadas duas noites de música ao vivo na cidade do Porto Inglês, no emblemático largo do Forte de São José.

Para o dia 1.º de Novembro, há um show musical com o conjunto Sete Luas Maio Band, criado precisamente no âmbito do festival do ano anterior, e espera-se o Piccoola Band Ikona, integrado por um quarteto de artistas da Itália.

Para o dia 7, outro espetáculo musical com Luas ibéricas Orkestra, que chega do Mediterrâneo e do Brasil. Nesse dia haverá um concurso para apurar o grupo revelação do Maio no Festival Sete Sóis Sete Luas.

A autarquia do Maio apela à massiva participação das diversas comunidades da ilha nas atividades no Festival Sete Sóis Sete Luas de modo a que a ilha continue a ser uma referência no certame.

Ocean Press - Redação