Published in International
ALERTA MUITO ALTO ALERTA MUITO ALTO

Zika vírus- Previstos milhões de casos e forte probabilidade de ligação com a microcefalia

  • A epidemia está a espalhar-se de forma explosiva causando grande alerta a nível mundial!

Santa Maria - 28 de Janeiro - A Organização Mundial de Saúde confirma a gravidade do vírus Zika, transmitido por mosquitos.

Em comunicado aos países-membros, a organização pede que eles estabeleçam capacidade de diagnóstico da doença e que se preparem para um aumento no número de casos reforçando o atendimento pré-natal e neurológico.

Sómente nas Américas, a OMS espera 3 a 4 milhões de casos, a maioria no Brasil.

O Zika, isolado pela primeira vez em 1947, em Uganda, após alguns relatórios esporádicos em África e no sudeste da Ásia, reapareceu no Brasil em Abril de 2015.

Ainda não foi estabelecida uma relação entre a infecção causada pelo vírus Zika e os defeitos de nascimento ou síndromes neurológicas encontradas em bebés recém-nascidos, mas esta relação causal parece ser fortemente suspeita. 

Os possíveis vínculos com a microcefalia assumidos mais recentemente, rapidamente mudaram o perfil de risco da doença, transformando-a de ligeira ameaça a proporções alarmantes.

É no Brasil que têm sido relatados casos de microcefalia entre os recém-nascidos com suspeita de terem sido causadas pela presença do vírus na mãe. O vírus Zika não se transmite de pessoa para pessoa mas apenas através da picada de mosquitos infetados.

A epidemia está a espalhar-se de forma explosiva causando grande alerta a nível mundial! 

Entretanto a Organização Mundial de Saúde anunciou que se vai reunir de emergência na próxima semana, para determinar se o surto do vírus constitui uma emergência sanitária de alcance internacional, anunciou esta quinta feira a directora-geral da instituição, Margaret Chan.

 

Ocean Press - Relação